A biblioteca transpira, inspira, embeleza o individuo, e surpreende. “De depósito de livro, passam a oferecer quase tudo. Alguns espaços são silenciosos, para ler. Em outros, conversamos ou nos reunimos”. E, nos renovamos. “Seu ambiente terá o visgo intelectual da Ágora grega, das livrarias da Rua do Ouvidor nos tempos de Machado de Assis, dos cafés da Rive Gauche, das Starbucks e dos restaurantes chineses do Vale do Silício. Haverá abundância de jornais, e revistas e livros de interesse geral.”
A biblioteca

Muita historia escrita! A biblioteca!

A fantasia de tantos textos! E a casa de memórias…

Vitor Hugo 229 – Petrópolis – Porto Alegre. “Há uma coisa, um pé fantasma, que às vezes dói como o diabo, e os dedos se dobram para cima ou têm espasmos. (…) Então sinto a perna, vividamente, mas é um fantasma bom, diferente.” Olivier Sacks. A biblioteca, minha  dor  fantasma,  é outra: olhar os nós de pinho na lareira, imaginar o fogo, ver as pessoas.  A menina encolhida na cadeira,  as bonecas. A porta  aberta pro jardim, o pai a descascar laranjas… O alpendre com as lajotas oitavadas, vermelhas. Ou ainda a mãe, pernas recolhidas em cima do sofá, lendo sob a luz de um abajour de  pé. Alabastro, mármore, prata. E as estantes de louro que conversam.

A biblioteca vestida de gala.

001 - Cópia - Cópia (2)

“A nova biblioteca, salas e auditórios promovem conferências, concertos e exposições. Por que não jardins lindos, para criativos peripatéticos? Ou espaços para meditar? No fundo, a biblioteca deve tornar-se um lugar de leitura, troca de ideias e interação criativa entre os frequentadores. Enfim, uma usina intelectual, contribuindo para o avanço do país. Naturalmente, quando bate a fome, lá comemos. Afinal, um lugar onde se lê e se tomam livros emprestados, porque não os vende também? Assunto e clientela são os mesmos das livrarias.” Cláudio de Moura Castro, 26 de agosto de 2015, – revista VEJA  –  Bibliotecas: metamorfose ou morte?

  fod-00715365Copyright:www.quanjing.com                       FOTOS BETH 070

004                      002

003 (2)           20150124_120211

A biblioteca

5 comentários sobre “A biblioteca

  1. Adorei o texto as fotos e mais ainda as lembranças de pessoas que fizeram parte da nossa juventude e estão pelo mundo distantes da vidinha de Poa ou já partiram

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s