De volta

Alegria ferve. Expectativa. Bastante tempo longe! Alívio na chegada. Vou ao teu encontro. Aperto teu corpo, respiro. Sinto tua falta. Como posso ser ambivalente e deixá-la repetidas vezes? Paradoxalmente te abraço com a mesma intensidade de saudade… Penso em quem deixei no Rio de Janeiro. Não resisto a sedução! Mas retorno aos teus braços. Teus seios pequenos, teus cabelos tão crespos! Teus olhos rasgados. Tua boca enorme engole meu corpo, aos pedaços… Teu rosto oriental exige servidão. Estás inteira no meu abraço. Corpo cuidado, roupa escolhida, colorida. O avião desce. Olho entre pessoas. Esperas por mim. Levo presentes em linho, branco, macio nos lençóis. Outro perfume. Alegria ferve. Agitas tua cabeça. Caminhas. Meus olhos em nós. Tuas perguntas, as minhas. Recomeço. Estabeleço prazos e tempo. Não me importa  quem te abraçou, o que fizeste. Estou agora no teu beijo. Meus braços magros, cansados! Malas cheias do inverno que não passei contigo. “Aonde estavas, minha amada, na noite de 28 de agosto quando o telefone tocou na madrugada?”Elizabeth M.B. Mattos – julho de 2013 – Torres

2 comentários sobre “De volta

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s