Rasgo

Correspondência, Estados Unidos da América, Miguel. Épave, pedacinho de memória. Garrafa de vinho aberta encontrada. Papéis espalhados na mesa. Texto-poema de Jacques Prévert, L’OPERA DE LA LUNE, livro ilustrado por Jacqueline Duhême: delicadeza, beleza desdobrados na mesa de estudo. “Il était une fois um petit garçons qui n’était pas gai”, Era uma vez um menino que não era alegre:  verbo ser, alegre versus triste, menino versus menina.

Em francês desbravar a literatura, e generosamente, ser feliz. Ideias fervilham, ganchos se agarram as pedras. No alto, a lua.  Conquistas. Miguel e a lua. Um pedaço de vida na lembrança de vinte anos passados.

images (2) l opera de la luneimages (2) l opera de la lune

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s