insegura

Hora minuto dia, e súbito, insegurança. Penso questiono, ou me surpreendo. Tomada pelo sentimento oscilo. Um passo a frente, cinco passos de recuo. Não é apenas o outro, mas eu mesma no balanço … Como se viver ou ser, ou seguir precisasse aprovação aplauso ou certeza. Medo da caminhada eu comigo. Escorrego. Espero/quero o todo/ o inteiro, mas são fatias … Também sou assim aos pedaços, inusitada …  Igual te mando um beijo. Elizabeth M.B.Mattos – abril de 2018 – Torreso cartão amoroso em tons de azul

Cartonado:  Carmélio Cruz

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s