beijo fantasiado

Limpar, arrumar, lavar, ordenar para o próximo fazer: o mecanismo. Dores nas costas, o peso do corpo esquecidos.  A vaidade grita aflita: se acomoda aqui e ali. Converso com ela. Recuo. Reorganizo. Não posso ser o tal passado-passado nem o remoto nem o de ontem. Tenho que levantar este hoje-agora, tempo para enfiar/dirigir ao bom caminho. Engasgo nas leituras, nas conversas vagarosas, confidenciais. Não estou entendendo muito bem o porquê de dias lentos, pesados. O calor? Todos os verões sufocam, e os invernos levam o frio para se colar nos meus ossos. Antes eu não vestia casacos, eu corria no sol de meio dia.

Reencontros doloridos deste envelhecer: alegria, sonho bobo, fantasia de recomeço, figurinha colada no álbum errado. Eu sou o equívoco. Casada com meia dúzia de palavras, impressões, todas erradas. Sou apenas eu, a mesma solidão. Desencontrada, de conversa trancada. Esta estória de beijo perdido, achado, ou desejado não existe. Dois casamentos torcidos? Amores amados e findos. Já te expliquei/disse que não nasci presa, nasci livre. Nas histórias rupturas, ausências, carências e gozo, alegrias. Educação religiosa minuciosa. Igrejas e mosteiros, retiros silenciosos, fantasiosos. Caridade bordada. Alienação. Livros piedosos. Identificações perigosas. Dificuldade evidente com a verdade. Cruzada vagarosa, não termina. Ah! Que vontade tenho de sentar mansa no estofado perfumado (detesto o cheiro do sol grudado nos tecidos) com lavanda. Nas mãos o gosto da missão cumprida, realizada. Sem fazer/ ou correr atrás. Ah! Se o silencio fosse veloz! Vozes murmurassem: não te apresses. Vida para viver, boas novelas,  filmes no cinema, caminhar pelas praças, olhar vitrines, vestir a moda. Cabelos curtos, pintar os olhos envolvida no bom perfume. Cruzar as pernas com elegância estudada. Usar saias coloridas, vestidos bem talhados. E a janela? Aberta para o gramado e o canteiro farto de margaridas e roseiras perfumadas. Jasmineiro trançado nas grades daquela cerca. Elizabeth M.B. Mattos – fevereiro de 2019 – Torres

otima! com a mala

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s