devagar divagar desligar

Amanheço quando o mundo dorme, desperto devagar: vejo escuro. Ouço. Gosto do entardecer. Conversa o silêncio… Amanhecer, recomeçar, refazer. Que venha o sonho! O sono! Junto a compreensão. Não entendo nada, afinal, também eu não sei do que se trata, com certeza Geraldo estava certo.

Geraldo Moog

Impossível que uma cidade não desempenhe algum papel em nossas vidas. Tampouco faz diferença se temos coisas boas ou ruins a dizer dela: o fato é que, por meio de uma lei de gravitação mental, a cidade atrai nosso espírito.” (p.24) K. Blixen A fazenda africana

Eu me pergunto por que Torres? Torres não responde, não explica nada, apenas me esconde neste longo entardecer. Bom! Logo amanhece, recomeço a pensar: por quê? Aceito. Elizabeth M.B. Mattos – janeiro 2021

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s