março 2021

O mês  de março se estica com morte e doença…  Queixas e dores. Prostração. Higiene, distanciamento. Quietude, paciência. A música do rádio, a notícia apertada. Sorriso comedido. Palavras esmaecidas e frágeis, medrosas. A natureza agradece o descanso, e se fortalece. Logo dançaremos  noites, manhãs  e tarde até  cansar. Hoje, doloridos de tanto dormir, dormir e dormir: sono de tanto tempo! Elizabeth M.B. Mattos – março de 2021 – Torres

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s