“coisinhas “de chorar

Deu vontade de chorar. Estou com os braços pesados de abraços que não dei. Com um beijo preso. Olhar vago. Proibições estranhas e penosas de “nunca mais…, é o outro a levantar um muro, a dizer não. Então a vida fica sendo também a pressão, o outro pressionando/ apertando/ restringindo, sendo… Somos o que o outro exige e ou faz. Arremessamos a bola, bate na rede, volta. Faço o possível, e no impossível…, choro. Eu choro. Se todos pensassem como tu e como eu? Seria igual / ou o mesmo? Eu me sinto menina com lágrimas escorrendo por amor… Elizabeth M.B. Mattos – junho de 2021 – Torres

2 comentários sobre ““coisinhas “de chorar

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s