detalhe e ritual

olhar o possível, o ritual

olhar:

primeira comunicação,

o primeiro movimento

olhar enxergar e ver

olhar o mundo, o detalhe,

a minúcia possível (participar)

o paladar possível, o gosto como sabor

participar / conviver e estar, identificar

escutar pelo tato / pelas mãos, então a forma do perfume que as flores trazem, inundam…

transforma em voz o silêncio da ausência. Elizabeth M.B. Mattos – setembro de 2022 – Torres

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s