Lembrei de te dizer

Lembrei varias coisinhas pra te dizer antes de viajar. Acordei agora, estou querendo fechar as malas.  Sigo estranhando este ir vir … Bom estar contigo! Ao chegar em casa o cheiro forte da limpeza com querosene, gimo cupim. Enfrentei. Dormi antes da noite chegar. Amiga, estou sufocada nos desinfetantes. Intoxicada. Sim, adorei o que mandaste: mel delícia, canela gosto. Estou ouvindo Stevie Wonder escrevendo cartas, melhor dizer postando emails e lembrando dos gloriosos trinta anos. Do Marco Frignani trazendo cerejas de Modena. Do Rio de Janeiro. Boas lembranças. Aqui arrumo, arrumo e tudo segue lento. Confesso que a mala está por fazer. Não penso na viagem: limpo esfrego, dobro, estico, separo … Guardo tanta roupa para depois de emagrecer, ou caso engorde um pouco  mais.! E quanta tralha no fundo do armário. O marceneiro AINDA não colocou a porta. A Ana me fez um rocambole de/com goiabada divino, comi inteiro. Que gulosa! E fico pensando que é tão bom ser magra, elegante. Roupas bem frouxas, soltas no corpo. Detesto engordar, mas como gosto de comer! Dançar. Caminhar na beira da praia. E dormir. E também engordar comendo chocolate. Ler, não fazer nada e tudo impecável e perfumado. Que bom estar viva! Assim eu me sinto aqui. Se morássemos mais perto talvez estivéssemos tricotando. Estou com o cesto de lãs coloridas a transbordar.  Beth Mattos, Torres.

4 comentários sobre “Lembrei de te dizer

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s