relampejar

Prima Norma me contou de ti …, saudade e tudo! beijuca, admiração!

Que incrível! Que perfeito chegar em ti …, saudade daqueles meninos que fomos caminhando sobre sacos, nos galpões, onde foi aquilo? Saudade dos pais que tivemos, e do cheiro de ser criança! Boa sensação, te imaginar percorrendo o Amoras. Como será que tu estás?

Sei lá como estou! Estás bem? (rindo) Emocionado com teu texto …ranjou um fã … deste jeito (rindo)

Com vontade de conversar mais. Não lembro a idade que tínhamos quando nos vimos pela última vez. Boa sensação de reencontro. Coloquei no Amoras uma foto do Érico Veríssimo e da mãe com a Rita. Eram padrinhos. Viste? Estamos bem tu e eu, certamente estamos bem.

Fui ali e vi que faltou um O em como estou! Espia lá http://palavrasavoantes.wordpress.com

 assim começou …

Eu vi. Droga de tempo mágica de tempo! Parece que te vi ontem, e eu te vejo. Estranho! Entrei no palavrasavoantes do mesmo wordpress —, fiquei inquieta te lendo e te pensando, já tinha lembrado do violão …, e a Rita linda! ligados pelo fio da história de nossos pais! Tempo …, e onde moras? Estou mexida pelo encontro.

Magia … Chove muito aqui! Mas me faz bem RELAMPEJAR, …

Se relampejamos acontecemos …, se sentimos, criamos. Se o passado volta volta o mistério, e os tropeços ! O mágico. Surpresas. Éramos nós crianças. Imagem guardada. Bons cheiros destes sentimentos …  Não vejo nem o Alberto, nem a Nelly, nem meu pai ou minha mãe! Apenas nós dois, crianças. Estou rindo. A chuva se mistura com o sol! Elizabeth M.B. Mattos – 2014 Torres

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s