desvio

Este desejo plural de ter esta ou aquela vida gera certa angústia, aflição, até entristece. Desejos não são apenas complementares. Escolhas obsessivas e lineares dificultam sentimentos concretos, se posso definir sentimento como concreto. Não quero apenas a boneca vestida de Chapeuzinho Vermelho, quero o bebê com fraldas, também a vestida de princesa. Quero todas bonecas da vitrine. Insatisfação com o limite da escolha. A interferência prazerosa de uma pessoa altera tudo. O desejo é plural maior do que um compartimento limitado que a vida possibilita. Amar alguém  em especial como único  será  limitar. Ter que escolher entre este e aquele amado. Ou não escolher. Uma gramática complicada em português ou na matemática.  Viver é  o caminho,  o fazer e as pessoas o oásis a ilusão. As interferências  o sal ,  o gosto,  a explicação. Nossos lamentos se desenham em abraços e beijos. E apaixonar ou enlouquecer de amor não se explica. Elizabeth M.B. Mattos – janeiro de 2019
janelas.jpg

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s