fantasma amoroso

Perseguida pelo amor impossível. A impossibilidade enriquece a sombra das tuas palavras atropeladas, confidenciais e definitivas. Constatação estúpida, mas real. Quero o que não posso ter. Sublinho o impossível com ternura. Humanidade imperfeita do desejo ardido. Vejo teu rosto de antes, saído do sol para sombra. Envelhecer guarda o passado precioso onde o tempo se esgota na espera do que não irá acontecer… Não nesta vida. Coloco tua foto de menino ao lado da tua foto de homem. Elizabeth M.B. Mattos – dezembro de 2019 – Torres

” – Vim aqui, sessenta anos atrás.

A memória é um espelho de fantasmas. Ela mostra às vezes objetos distantes demais para serem vistos, e às vezes os faz surgirem bem perto.

– …Mas, se não existiu Kiyoaki, então, não existiu Isao. Nem Ying Chan. E, quem sabe? Talvez eu mesmo não tenha existido.

– Cada um de nós deve decidir sobre isso segundo seu coração – diz  a abadessa.” Yukio Mishima Mar da Fertilidade – volume IV

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s