natureza grita

O susto o medo. O espanto e a violência assumem o tempo despreparado para respirar ou ordenar. Ventos violentos ventos, incontáveis bolas de fogo. Animais correm desatinados. Estradas não levarão a lugar nenhum. E os rios darão as mãos aos mares. Vamos assistir ao espetáculo a surpreender o inevitável!Elizabeth M.B. Mattos – fevereiro de 2020 Torres

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s