rotina empurra

Não posso parar, interromper a rotina: Ônix exige: isso ou aquilo. Posso deixar um dia de fazer a limpeza, ou a comida, ou não dobrar as roupas,  não ligar o celular, mas ela  exige intrigada, estupefata, e se movimenta: pede para caminhar/passear, ir e voltar e a comida e abrir a janela e o afago. A rotina me empurra para a música, o passo necessário, molhar as plantas e limpar. Não ligar a televisão, entrar nas nuvens. Elizabeth M.B. Mattos – maio de 2020 – Torres

cozinha e flor e bananas

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s