escuro

Quando amanhece no inverno, ainda entardece. Aquele cinzento preto no céu esconde o frio gelado. Grita/chama por ele… A infância me espia iluminada e eloquente para explicar do tempo. Passou, mas tu estás aqui, viva e festiva por dentro. E envelhecer…,bem, altera um aspecto, acerta outro. Tuas tardes e dias se esticam tranquilos, isso deve ser muito bom: podes assar aqueles biscoitos, tentar fazer bolo de chocolate, escolher outro chá, e, te aconselho, apesar da truculência do vizinho (estragou o cimento fresco da garage, de jeito selvagem) podes encontrar a beleza atravessando os vidros gelados da janela… Diz a infância festiva. O inverno tem tantas coloridas e perfumadas nuances! Elizabeth M.B. Mattos – junho de 2020 – muito, bastante frio em Torres, imagino como deve estar Porto Alegre…

je t aime

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s