delicadeza

A intimidade exige delicadeza: lapidação da voz, do cuidado ao dizer, não exatamente por/para ser educado, civilizado, mas porque estes são os sentimentos que precisam/deveriam permear as relações. Pessoas simples/rudes/ ou pouco instruídas devem conviver com pessoas simples/rudes, menos instruídas ninguém se machuca. Como a pouca inteligência dá as mãos aos menos inteligentes. Pessoas emocionais sofrem ao conviver com pragmáticos. Teia de sentimentos complicados. O sentimento nebuloso dificulta o amor. Estou sendo pouco clara… Não se trata de nomenclatura. E amor não se parte/não se divide… Esquisito pensar assim…, ou ama ou não ama, suponho que possa ser simplesmente uma operação matemática. Compreender o outro, não concordar com isso ou aquilo, tudo bem, grosseria nunca. E de repente não se alcança o amado porque estas coisas (palavras/atitudes) estão confusas. O filho pode não entender, o neto compreender, o sobrinho ficar em dúvida. Entre irmãos? O amor se divide, talvez, siga amor, mas machucado/ferido. Beth Mattos

E no amor, entre amados, quando a intimidade cresce em excesso, desgovernada, alguma coisa se parte (invisível, não muito definida). Nesta entrega completa dizemos tudo sem medo/sem freio/ sem filtro. Dizemos o que pensamos/sentimos, e de repente, já não é mais verdade, não é exatamente aquilo. Pedir desculpas / pedir perdão. Voltar atrás é possível, reconhecer o erro, mas fica a magoa. E ás vezes nem é mais verdade / nem foi bem daquele jeito… Um texto a ser pensado. E. M.B. Mattos

2 comentários sobre “delicadeza

    • indiferença dói mais, turn off? talvez fosse melhor, vou reler. Fiz as correções, mas não consegui explicar, talvez seja apenas um detalhe, mas pode ser uma tempestade se acontece entre dois que se amam, e mesmo o parentesco, de mãe para filho, ou de filho para pai, de neto para avô, entre irmãos que se distanciam e perdem referências… Expliquei? O excesso de intimidade pode ser uma explosão. Foi isto que eu quis dizer. Não se pode virar as costas para estas relações: são mais ou menos definitivas se é que existe o definitivo na vida… Enfim, apenas uma sensação. Texto pouco claro, difícil. Nebuloso..

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s