esforço e coragem

O dia puxa pro escuro, para dormir continuado… Esta pandemia avança tão sem tempo de terminar! Como se fosse para sempre este apartado/separado aflito de ficar em casa, portas fechadas. Afinal / então / assim, fica tudo mesmo como era, fosco. Eu me proponho, meio sem ânimo, até sem música… ah! não acelere o tempo, atrase. A cada luz bordada um esforço desmedido, claro, um salto! Possível e vitorioso. Mas deixa eu dizer que estou cansada! …cansada! E um pouco triste. Amanhã vou fazer roda, cantar, encontrar pedrinhas brancas, jogar Três Marias, vou fazer bolo… Comecei a dieta, séria, seríssima, e me engalei para a festa, nada (risos), na primeira tentação, lá me fui a comer macarrão, camarão com muito queijo com vinho, então, dei risada, deixei tudo pra outra semana, outro mês. Vou buscar outra coragem, outra caminhada, outro vestido de chita para pular o São João! Vou espiar o vizinho e as bandeirolas da esquina. Elizabeth M.B. Mattos – vou rodopiar! junho de 2021 – Torres

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s