Segue cinzento

1.

Devo viver para completar o ciclo, contar histórias esquecidas. Abrir pequenos baús. Respeitar meu pai e a minha mãe e derramar o brilho. Eles toleram o homem selvagem com quem me casei. Percebo que o jovem e o poder manipulam a lógica e o sensato. Eles dois se acomodavam na generosidade para suprir o possível daquele sonho espremido do jovem casal. Embora ela esteja cansada e permaneça calada, imóvel, tudo se agita e ferve por dentro em agonia. Os dois carregam histórias erradas, projetos mal feitos. Cabeças limitadas, trancadas na futilidade brilhante de ter mais e mais: desassossego dengoso e carente. Como fruta que amadurece artificialmente, nenhum defeito: falta de sabor. O nada brilhante e colorido, por dentro, esfarelada maça.

Isabel pede mais uma taça de café, acende o terceiro cigarro. Abre uma revista. Afunda o corpo na cadeira com o desespero enfiado, feito faca no peito.

Eles sentam na ponta do sofá. Falam futilês, naturalmente, e os presentes, o avô e a avó, respondem, esperam, suspiraram. O chá o bolo o tempo e o sol acompanham a visita inóspita e formal do jovem casal. No centro da mesa redonda as maças verdes, polidas, se misturavam com as vermelhas, e os limões desenham a festa.

2.

Feijão a moda antiga: panela de ferro. Lenta a fervura, alho bacon, água, pimenta. Louro. Espio a com as panelas cozinha, branca, limpa, e o quadro com as panelas de estanho abrindo a parede. No balcão os temperos. Aquela janela da área entregava a paisagem do Morro, então, estávamos de certa forma num ponto alto de tantos morros. Comecei a lavar a louça e arrumar quando ele veio apressado, a me dizer: “não precisa”, “não precisa.” Seus olhos pacíficos agarraram minhas mão eu lhe dei um abraço quieto de ficar enrolada no afeto. Eu sempre apressada… O relógio sabia que o casal ia se demorar na fome, e eu deveria mesmo voltar para casa numa daquelas urgências cansadas e desnecessários, desorganizadas. Estava feito. ElizaBeth M.B. Mattos – julho de 2021 – Torres

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s