abraçar , uma urgência

Se me ameaças cair, ou se agrides descontrolado, eu posso segurar, eu posso resolver. Se estás em perigo eu te ajudo. Se precisas de mim, eu resisto. Eu posso renascer e recomeçar, com certeza. Então tudo ficará em ordem, em movimento, a energia fará da confusão a certeza. Condição ideal para florir, eu posso.

Ao elogio estou indefesa. Então eu fico pequena e assustada: preciso do desafio. Ao elogio fico vulnerável. E eu me perco no aeroporto. Tu compreendes? Elizabeth M.B. Mattos – agosto de 2021 – Torres Ah! Te abraçar, uma urgência!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s