Neusa Demartini

“As recordações são maldosas, pois vêm quando não as queremos e deixam de vir quando mais as necessitamos. Stacha, querida avozinha, tu mesma evocaste tuas memórias quando quiseste recordar, ou elas vieram, traindo-te, quando tu as querias esquecer. Pensaste friamente em proteger-te contra tuas lembranças, e esqueceste-as, deliberadamente, para não sofrer?”(p.104) Neusa Demartini – Vozes da Ancestralidade

A leitura atravessa. Estremeço. Não adianta ponderar / o texto se explica. Eu sinto.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s