acaso

O acaso me levou a estudar com as Agostinianas. O Colégio Santa Inês em Petrópolis ( aquele ao lado do cinema Ritz – da paróquia São Sebastião onde eu estudava deste a terceira série, eu acho, trocas de colégios, impressionante! não reservaram minha matrícula, e eu mesma atrapalhei com as datas. A mãe sofreu um acidente de carro sério / ficou entre vida e morte / três longos meses / uma tempestade, e eu sem escola. Assim O Instituto Nossa Senhora das Graças , com a benevolência da Madre Paulina abriu exceção (com a data) e me receberam. A Caixa Econômica Federal tinha vínculo e o pai recorreu as madres: Cônegas de Santo Agostinho que se instalavam em Porto Alegre, lá no Beco do Carvalho. O acaso. Eu me alfabetizei no Grupo Escolar Rio Branco, a fazer rodinhas e rodinhas pra desenhar o A, depois o O. Depois descansar! Não foi nada fácil escrever e ler. Posso contar que adorei todas as escolas e as adaptações foram boas. E por onde passei, claro, curiosidades a contar… Importa que eu tirei Medalhas, mas confesso, medalhas de comportamento. De Ouro e Prata, raras (comportamento), e, a de Bronze para meu desempenho escolar. Elizabeth M.B. Mattos – julho de 2022

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s