Agitado sim…

Agitado sim. Quero aproveitar tudo… E desavenças. Escavar no passado,e recordar agita. Acerto de memória. Fogo fogo cruzado. A cada um  lembrança particular, julgamento diferente. Os pais, às vezes, se sentem culpados! E escolhas determinantes para cadas criança. Estas conversas parecem acertos de contas. Até quando pais têm compromisso de educar ou sustentar!? Há maior responsabilidade econômica com as meninas? Antigamente sim. Mas esta responsabilidade um dia termina, ou se inverte. Pais também precisam de cuidados. Onde está o limite? Qual fio seguir? Um labirinto de amor! Estamos sempre envolvidos. Acho que temos um pacto com a família. Mesmo não sendo por direito ou por lei sucumbimos a certas necessidades. E vice versa. Não se pode apenas usufruir a vida, é preciso ajudar. As responsabilidades são permanentes. Enfim! Há de se pensar nesta brincadeira com seriedade. Somos reféns deste amor. Há que se rebelar também! Em determinado momento o direito a liberdade se faz urgente! A liberdade de sair sem deixar bilhete… Elizabeth M.B. Mattos – janeiro de 2013

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s