dançar

A manifestação artística é rica e transgressora, sem limite. Se organiza e desorganiza. Passa de um lado para o outro. Não existe pintor escritor escultor músico, nem apenas cientista, mas expressão.

Não complica, não sou ninguém, nada. Tenho olhos apenas para ti. e, se ficar ao teu lado, vou te cuidar. Elizabeth M.B. Mattos julho de 2018

Isadora dançou sem sapatos, vou dançar para nós…

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s