cuidado

…apenas uma palavra!

Cuidado, cuidado! Junto com o tempo, o pouquinho de sensatez também vira. O avesso da revolta. Algo no ar, antes da palavra… De certo modo engraçado, lúgubre de certo modo. Palavras que faziam bravamente sentido, estão com o forro de fora.

Alguém – também pode ser um coletivo – tem uma vontade que ninguém considerou. Temor alimenta o medo. Como gritam!  Acessos de familiaridade.  Nenhuma palavra serve – desloca, impele. Por favor! Não grita! Para frente, estamos indo para frente, maio anuncia o sonho. Seja sensata! Elizabeth M.B. Mattos – março de 2019- Torres

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s