pesado

O verão não começou. As decisões estão no ar…, e as conclusões, apenas, espiam inseguras como se tudo, absolutamente tudo, dependesse do teu/meu olhar e sentimento, dependesse do verão. Acordo do sono, e dos sonho  estonteado: tantas cerejeiras em flor, videiras de magnólias e dálias. O verão com poderes de sanear qualquer frustração, aliviar qualquer mágoa e restaurar a felicidade perdida. Elizabeth M. B. Mattos – dezembro de 2019 – Torres2019-12-06 13.06.58

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s