Adiar ansiar amorar

Perco/passo tempo enorme sem encontrar o lugar para escrever. Como pode ser assim tão confuso o elementar, básico?! Claro. E mil vezes explicado… Esta sou eu. Como me atrevo a pensar conselhos, a dizer isso ou aquilo, penso assim ou daquele jeito, o que importa o que penso? Um mata borrão. Da tinta fresca vestígios ou excessos. O som de uma risada, um nada depois.

Procuro o Natal, como quem procura encanto, luz, outra nova surpresa. Caixas desmanchadas com o que não foi bem guardado. Empoeirado, estragado aqui e ali. Coisas de Beth. Peguei as duas árvores, comecei a enfeitar. De certo alguma coisa eu dei, perdi, ou ficou para trás…, de certo perdi. Perder, velho hábito. Desculpa de mudanças, de idas e vindas, do inquieto viver ansioso, sem lugar definido (nunca estou onde deveria estar, nem com quem deveria estar). Uma coisa fluida como agarrar alegria. Ou como se agarra a ponta do vestido em festas juninas. Segurar água da cascata. Colocar mãos no bolso, se enfiar num chapéu. Ou se esconder em álbuns de fotografia. Céus! Tanto já vivi! Tudo em caixas, guardado. Agora com vontade de encontrar. Estranho desaparecer… Alguma coisa me desfiz. E vou passando de foto em foto a encontrar o que se escondeu… E importa? Tão fugaz o intenso perdido. Sempre querendo chegar. 

Sem entender arrumo, faço acontecer. Encontrei coisas esquecidas… A área de serviço limpa e arrumada. Transformar se aloja na limpeza. (sabão em pó, ventania engarrafada, sol estocado, água e água). Sótão ou porão, poesia: conversas esquecidas, a infância outra vez. Num lampejo das caixas o movimento. Posso rir e chorar ao mesmo tempo. Caixas mágicas conversam. Há que se guardar o velho pião, o urso e a boneca. E as fotos, desordenadas e belas fotos. Estremeço de prazer enquanto vou folheando uma revista que traz na capa, o nome de minha mãe. Beth Mattos – novembro de 2020 – Torres

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s