a gente se esconde na vida possível que encontra para viver, escolhida ou imposta, certa ou errada

…somos nós/sou eu/ és tu a respirar. Gostava de ter cabelos compridos. Gostava de ter tempo no meu ócio organizado. Gostava de brincar. Gostei de namorar, dançar. Do prazer alegre. Gosto das pessoas. Do beijo. E das palavras. Minimamente encontrada, minimamente perdida, talvez achada (Céus!) e feliz, talvez. E gosto muito de Árvore de Natal enorme / grande / ou pequena a iluminar este mês de dezembro. Até gosto de quem não gosta de nada disso. Beth Mattos – dezembro de 2020 – Torres

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s