Ah! Se eu pudesse dizer a verdade! Caminhar na chuva, brincar com as folhas! Se eu pudesse dizer como eu penso, ou como sinto a chuva boa deste verão! Se eu pudesse ser eu por um segundo, e me deixar levar porque estou feliz… Se eu pudesse não estar a me defender. Que luxo viver na ILHA! Ou ficar em silêncio, se não fosse tão solitário o silêncio e a ilha! Elizabeth M.B. Mattos – janeiro de 2021 – Torres

Vida do jeito que sempre quis, quieta. Tanto me agitei! Bom estar no meu próprio ritmo, meu tempo, tempo, e horários, todos apenas os mesmos, e meus. Nada de nada. Vontade tinha de vida assim! Mas não consegui comprar flores… O sol ficou maior do que o sol de ontem. A chuva forte, aquieta, inquieta. A preguiça  também.  Vou fazer tudo igual., como as pessoas fazem, igual.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s