do passado

Existe o tempo, aquele tempo que não espera, existe uma história, uma História -, e na verdade não esquecemos nada, nada, nada, nada. O passado segue hoje. Pois é assim… Apenas continuamos a caminhar. E os fatos nos atropelam, precisamos reagir, sobreviver. Sem machucar ninguém. Ninguém. E se vamos levantar a cabeça, sair, esquecer, recomeçar, igual seguir, ou começar, o tempo volta, e nos atropela. Será a memória um bem, um mal, uma permanência? Beth Mattos – 25 de março de 2021, em algum momento desaparecemos.

2 comentários sobre “do passado

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s