12 de outubro

a mãe morreu neste dia da Nossa Senhora! não lembro da chuva. hoje chove bastante…. eu estava longe, na fazenda. quando o pai morreu eu também estava longe, quando tia Joana morreu eu estava perto. minha tia mãe, brigava comigo, e eu brigava amando, acostumada, moldada, do jeito dela / do meu jeito de querer, desconfiada. íamos para o colégio, almoçávamos juntas, dormíamos no mesmo quarto, o dia e a noite, minha tia Joana! a mãe morreu de manhã no dia da Nossa Senhora Aparecida! ninguém ia morrer, ou adoeceu para morrer, ou era hora, ou…, não era para ser, aconteceu quase no susto. aconteceu para ser assim, rápido, cedo, sem conversa, sem medo… como os anjos são anjos este morrer do pai, da mãe e da minha tia Joana, só aconteceu… Elizabeth M.B. Mattos – outubro de 2021 – Torres

Joana de pé e Anita sentada – saudade sinto delas!
Minha tia, minha mãe! Joana de Athayde e Anita de Athayde Mattos

infantil embalo de criança

Um comentário sobre “12 de outubro

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s