força de criança, o desafio

Um dia vou crescer e grande, pessoa crescida, com força de criança, angustia de jovem, a desafiar o mundo, como se diz, adulta, velha nunca!, vou escrever. Grande Marguerite Yourcenar! Sem limites! Abrir as leituras, bom!

Alegria completa! Estou de volta! Elizabeth M.B. Mattos – maio de 2022 – Torres

Zênon hesitou em entrar na sala, receoso de que as roupas usadas e poeirentas, associadas ao cheiro do corpo há dias sem banho, o fizessem perder a oportunidade de insinuar – se junto aos poderosos deste mundo; pela primeira vez na vida, a adulação e a intriga lhe pareceram artes nas quais cumpria ser exímio, e o posto de secretário particular ou de preceptor de príncipe, preferível ao de mestre-escola ou de barbeiro de aldeia. Depois, impeliu – o a arrogância dos vinte anos, assim como a certeza de que a fortuna de um homem depende de seu temperamento e da boa vontade dos astros. Entrou e sentou-se junto à lareira, todo engrinaldada de folhagens, e olhou em torno para aquele Olimpo humano.” (p.42-43) Marguerite Yourcenar A OBRA EM NEGRO

Joana de Athayde e Anita de Athayde Mattos

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s