em silêncio

Em silêncio deveria permanecer quando a

Quando ficamos em silêncio, nos tornamos desagradáveis, disse Edgar, quando falamos, nos tornamos ridículos. Estávamos sentados há tempos diante das imagens no chão. Minhas pernas adormeceram de tanto sentar. Com as palavras na boca, pisoteamos tantas coisas quanto com os pés na grama. Mas também com o silêncio. Edgar fazia silêncio.” Herta Müller – Prêmio Nobel de Literatura 2009, nasceu na na Romênia em 1953. Tradução Cláudia Abeling – título original Herztier

quando desagradáveis em silêncio porque…

quando falamos, ridículos, (porque temos que nos explicar, esmiuçar, dizer o mesmo sentimento repetidas vezes), o mesmo…

as pernas adormecem “de tanto sentar”, de irem aos mesmos repetidos lugares / adormecem de cansar, eu poderia dizer? um texto é muito maior do que as palavras, claro, ela sabe dizer…

pisotear com os pés e com as palavras. Elizabeth M.B. Mattos – eu ouso continuar – 2022 – Torres

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s